De acordo com a decisão, Alcide deve ser monitorado pela tornozeleira eletrônica e permanecer a pelo menos 500 metros de distância da vítima e de seus familiares. Apresentador Alcide Filho
Instagram
O apresentador e publicitário Alcide Filho, preso no início de junho suspeito de estuprar um adolescente que morava em sua casa, foi posto em liberdade pela Justiça nesta quarta-feira (6). O apresentador ficou 28 dias preso.
Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram
De acordo com a decisão, Alcide deve ser monitorado por uma tornozeleira eletrônica e permanecer à pelo menos 500 metros de distância da vítima e de seus familiares. O apresentador está ainda proibido de deixar a cidade sem comunicar a Justiça e deve estar em casa todas as noites a partir de 20h.
A vítima é um rapaz de 14 anos que teria morado com Alcide Filho quando trabalhava na produtora de vídeo que funciona na casa dele.
O pedido foi acatado pela Justiça sob o argumento de que Alcide é réu primário. O Ministério Público opinou que a Justiça deveria negar o pedido de soltura.
Suspeito de estupro contra adolescente
Apresentador Alcide Filho Reprodução
O jornalista e apresentador Alcide Filho foi preso no dia 8 de junho, em Teresina, suspeito de estupro de vulnerável. Segundo a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) , a vítima dos abusos é um menino de 14 anos. Os policiais cumpriram um mandado de prisão preventiva e um mandado de busca na casa do apresentador, expedidos pela Justiça.
Leia também:
Apresentador e ambientalista Alcide Filho é preso suspeito de estupro de vulnerável Preso por estupro, apresentador Alcide Filho fazia adolescente trabalhar sem salário, diz delegada
Advogados de apresentador suspeito de estuprar adolescente negam crime e dizem que acusação é ‘injusta e arbitrária’
A delegada Lucivânia Vidal, da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, informou ao g1 que o apresentador Alcide Filho é suspeito ainda de manter o adolescente morando com ele desde 2020 e trabalhando sem receber salário durante esse período. Ele tinha ainda, segundo ela, interesse de adotar o garoto. Em nota, os advogados que representam Alcide, Marcos Patrício Nogueira Lima e Marcelo Vitor Coutinho Patrício Nogueira, negaram que o apresentador tenha cometido os crimes e definiram a prisão dele como “injusta e arbitrária”.
A TV Meio Norte, onde o apresentador comanda um programa sobre meio-ambiente e ecologia, informou repudiar todo tipo de violência e que, devido ao caso, a exibição do programa está suspensa temporariamente.
A governadora do Piauí, Regina Sousa (PT), exonerou Alcide Filho do cargo de Gerente de Acompanhamento de Políticas Ambientais, símbolo DAS3, da Secretaria de Governo.
📲 Confira as últimas notícias do g1 Piauí
📲 Acompanhe o g1 Piauí no Facebook, no Instagram e no Twitter
VÍDEOS: Assista às notícias mais vistas da Rede Clube
RSS (Globo) – clique para ver a notícia na fonte original

By midisul

Show Buttons
Hide Buttons